Por que ampliar a sua formação acadêmica com a pós-graduação?

Em um passado recente, as pessoas pensavam em concluir a faculdade e conseguir um bom emprego. Isso foi em uma época em que apenas o diploma de graduação era garantia de sucesso profissional. Hoje, no entanto, não é bem assim. Para se manter competitivo no mercado de trabalho, o profissional deve continuar investindo em sua formação acadêmica, mesmo depois de terminar a faculdade.

Neste cenário, são vários os fatores que contribuem para que cada vez mais profissionais procurem por cursos de pós-graduação. Entre eles está a necessidade de buscar diferenciais para se destacar no mercado, visto que mesmo as vagas de nível superior têm uma grande concorrência.

Além disso, muitos profissionais se veem obrigados a se adaptar à nova realidade da profissão. E é nos cursos de pós-graduação que encontram os conhecimentos necessários para se atualizar.

Se você está pensando fazer uma pós mas ainda não tem certeza se esta é a melhor opção, veio ao lugar certo. Preparamos este post para apresentar a você os tipos de pós-graduação e mostrar os benefícios de ampliar sua formação acadêmica. Acompanhe!

Quais as possibilidades de pós-graduação?

Existem diversos tipos de pós-graduação e cada um confere um título diferente ao profissional. Em geral, os graus são de especialista, mestre e doutor.

Há quem veja isso como uma hierarquia ou como se houvesse uma relação de prestígio maior entre um ou outro título. No entanto, a verdade é que cada um atende a um propósito diferente. Sendo assim, mais importante do que o título que você poderá ostentar é saber como isso contribuirá para o avanço de sua carreira.

Para compreender melhor as diferenças entre os cursos de pós, é importante saber que eles se dividem em duas grandes áreas: lato sensu stricto sensu. E todo caso, é essencial que o estudante tenha concluído a graduação. Entenda as diferenças:

Cursos de pós-graduação lato sensu

A expressão “lato sensu” vem do latim e significa “sentido amplo”. Nesta área, estão os cursos de especialização, bastante procurados por profissionais que já estão inseridos no mercado. Eles focam no aprofundamento em determinado aspecto da profissão. Ao final da pós, o profissional recebe o título de especialista.

O Ministério da Educação preconiza que os cursos lato sensu tenham, no mínimo, 360 horas. Sendo assim, as especializações costumam durar, em média, de um a dois anos. No entanto, podem ser encontrados cursos que duram até seis meses.

Outra alternativa de pós-graduação lato sensu é o MBA (Master Business Administration). Embora no exterior essa modalidade seja considerada um mestrado, no Brasil trata-se de uma especialização. A diferença desta para uma especialização tradicional, no entanto, está no foco do curso: o MBA visa formar profissionais para atuar especificamente em cargos de gestão e administração.

Cursos de pós-graduação stricto sensu

A expressão “stricto sensu” significa “sentido restrito” e engloba os cursos de mestrado e doutorado. Como o próprio nome indica, esse tipo de pós-graduação tem o objetivo de aprofundar o profissional em um aspecto bastante específico da profissão.

Em geral, os estudantes que optam pela pós-graduação stricto sensu o fazem porque pretendem seguir carreira acadêmica. Em outras palavras, os cursos de mestrado e doutorado são mais procurados por quem tem como objetivo dar aulas em universidades ou atuar como pesquisador.

Os cursos de mestrado têm duração de dois a três anos. Já o doutorado pode variar entre quatro e cinco anos. Em ambos os casos, o estudante deve se debruçar sobre um assunto, fazer uma extensa pesquisa e, ao final do curso, apresentar os resultados de seus estudos.

Por que ampliar minha formação acadêmica?

formação acadêmicaNo mercado de trabalho cada vez mais competitivo, quem tem uma pós-graduação certamente tem mais chances de se destacar. Mas, na prática, você sabe quais as vantagens de ampliar sua formação acadêmica? Para não restar dúvidas, elencamos aqui alguns benefícios de ter uma especialização. Confira:

1. Salários mais altos

Os profissionais pós-graduados ganham mais. Se comparados com os salários de quem possui apenas o curso superior, os vencimentos de quem tem uma pós-graduação podem ser de 25% a 118% maiores. Ou seja, dá para receber mais que o dobro do seu salário!

Isso é possível porque as empresas privadas tendem a valorizar mais o funcionário que busca se aperfeiçoar. Já no setor público, esses profissionais geralmente recebem bonificações de acordo com seus títulos.

2. Mais oportunidades de emprego

Quantas vezes você encontrou uma vaga de emprego perfeita, mas se desanimou quando percebeu que o cargo exigia pós-graduação? Em alguns casos, a pós nem chega a ser uma exigência formal, mas não deixa de ser um importante diferencial. Sendo assim, os profissionais que vão além em sua formação acadêmica certamente encontram mais oportunidades de emprego que aqueles que concluíram apenas o ensino superior.

3. Possibilidade de afunilar seus conhecimentos

Profissionais existem aos montes. Mas quantos deles são especialistas em algo? A faculdade oferece uma noção ampla sobre aquilo que é necessário para atuar na profissão. Já a pós-graduação afunila seus conhecimentos para que você se torne um especialista. Isso se traduz em reconhecimento dentro e fora do mercado de trabalho.

4. Atualização profissional

Você já percebeu o quanto sua profissão mudou nos últimos anos? A tecnologia e os novos modelos de trabalho promoveram grandes transformações em diversas áreas. Neste cenário, algumas funções são extintas, outras surgem e os profissionais que não se atualizam ficam para trás.

Portanto, a atualização profissional é fundamental para se manter competitivo nesse novo mercado de trabalho. E nada melhor que fazer uma pós-graduação para conhecer as novas práticas e tendências da profissão.

5. Redirecionamento de carreira

Você não precisa fazer uma pós-graduação necessariamente na mesma área de sua formação superior. Existe a possibilidade de se especializar em algo diferente caso seus objetivos tenham mudado.

Imagine, por exemplo, alguém que se formou em Psicologia, mas descobriu que leva jeito para ensinar linguagem de sinais. Neste caso, a pessoa pode fazer se especializar em Libras para redirecionar sua carreira.

Muitas vezes, esta é uma opção melhor do que começar outra faculdade do zero, visto que uma especialização pode ser concluída em menos tempo.

6. Mais chances em concursos públicos

Engana-se quem acredita que a pós-graduação é considerada um diferencial apenas no setor privado. Os profissionais especializados também têm mais chances em concursos públicos.

Muitos dos processos seletivos têm uma etapa chamada “prova de títulos”. Nela, o candidato recebe uma pontuação para cada título que possui, como especialização, mestrado e doutorado. Dessa maneira, é possível obter uma nota maior, o que pode ser determinante para garantir uma vaga.

Escolha a pós certa para impulsionar sua carreira

Agora que você já conhece os benefícios de fazer uma pós-graduação, é hora de escolher o curso certo para impulsionar sua vida profissional. Para isso, é importante observar aspectos como empregabilidade e possibilidades de carreira que o curso oferece.

Depois, verifique como você poderá conciliar estudos e trabalho, se for o caso. Entre as opções estão os cursos semipresenciais e a distância. Outra dica é observar a grade curricular para saber se você terá acesso às disciplinas necessárias para atualizar seus conhecimentos e agregar valor ao seu trabalho.

Além disso, não se esqueça de buscar informações sobre a instituição de ensino. É muito importante que a faculdade seja reconhecida pelo Ministério da Educação.

Gostou deste artigo? Então clique aqui e inscreva-se em nossa newsletter para receber as novidades em primeira mão em seu e-mail!

Related Post

Instituto IPB

O Instituto Pedagógico Brasileiro é uma instituição de Educação a distância (EAD) de excelência que oferece cursos reconhecidos pelo MEC e que atendem às exigências do mercado de diversas áreas. São mais de 200 cursos de pós graduação EAD, segunda licenciatura e educação especial ministrados por professores altamente especializados na preparação de alunos com conteúdos sólidos e atuais.

LEIA TAMBÉM